quarta-feira, 11 de novembro de 2009

Tudo que eu queria numa terça-feira!

Nunca tinha sido vítima desse tal de telemarketing, já tinha ouvido muitos relatos da torração de saco, e que hoje tive o (des) prazer de comprovar.
Minha mãe me chama ao telefone e diz que é algo relacionado a seguros... beleza! Atendo numa boa e de repente vem uma avalanche de palavras, promoções, descontos, soltos e desconexos que chegavam ao meu ouvido numa tremenda confusão, e eu já não entendia porcaria nenhuma. Era algo sobre 9,90 descontado na minha fatura telefônica e algo sobre seguro de vida, e o atendente continua a falar, falar e falar...
E como eles falam rápido, deve ser uma estratégia para deixar o cliente (ainda mais) confuso e fazê-lo perder a merda da paciência que nesse momento já tinha ido a puta que pariu.
Eu disse três “ahans” entre as mil quatrocentas e trinta e sete palavras que ele falou! No final, supostamente eu pensava ser o final da conversa, ele me perguntou se eu já tinha feito aniversário esse ano, respondi que sim, fui parabenizado. Depois me perguntou quel tinha sido a data, respondi e ele falou que tinha feito um dia antes do meu.
E daí???
O que ele queria??
Que no próximo aniversário dele eu ligue e escute algo assim: “ Para parabenizar fulano disque cinco, para receber os parabéns de ciclano aperte 6!!” Ah, dá um tempo! Ou quem sabe ele ia reunir todas as atendentes do setor e cantar Parabéns pra Você num coro bem ensaiado! Putz, que tentativa frustrada é essa de ter uma relação mais aprofundada com o cliente, se fazendo de “amigão”!!?? Ele deve fazer aniversário em agosto, dezembro, sei lá, isso é o que menos me importa nesse e em qualquer outro momento!!
Aí o rapaz tem a audácia de me dizer isto:
“Tenha uma boa tarde senhor Diego, você é muito simpático!!!”
Ah, não aí já é hipocrisia demais! Como ele pode medir minha simpatia através de três “ahans”!!??
Ele me transferiu a uma moça que começa a falar ainda mais rápido, parecendo que tinha que tirar o pai da forca! Perguntei a ela o motivo da transferência da ligação, ela me respondeu que era para executar o fechamento da minha compra de seguros!
- Que compra sua mal comida!? Eu não te pedi nada, nunca sequer tive a idéia de fazer uma porcaria de um seguro!
- Mas você ficou com dúvidas? Quer um esclarecimento?
- Eu quero que você desligue agora, porque estou com um puta pressa e não quero mais ouvir você falar dessa merda! (é claro que eu não disse, porque eles gravam aquela porcaria!)
Depois de umas oito negativas da minha parte e da milésima tentativa de me vender um seguro, ela desligou rapidamente, me deu um grosseiro tchau e desligou na minha cara!!
Me perdoe os palavrões, mas você que já foi “vítima” das atendentes de telemarketing sabe como é a situação!!
Indignado, puto da vida, e agora segurado, ou melhor segurado não, pelo menos eu acho que não, né!

Até mais, quando receber outra ligação de um telemarketing, pode ser até um indiano me ligando às duas da manhã, eu faço outro post!

Um beijo do magro!

Um comentário:

=Deyse disse...

Credo...quanto ódio em seu coração :P